Prêmio MAPFRE de Educação Ambiental divulga ganhadoras

As cinco escolas vencedoras do I Prêmio MAPFRE de Educação Ambiental se tornaram conhecidas em 24.11, durante evento realizado no Parque Villa-Lobos, onde fica o Villa Ambiental, espaço do projeto Criança Ecológica visitado pelas turmas participantes da premiação. As escolas municipais Elysiário Del’Alamo, de Artur Nogueira, Antônio Ortega Domingues, de Cubatão, José de Souza Cabral, de Ouroeste, Comendador Hirayuki Enomoto, de Pereira Barreto e Paulo Ricardo da Silveira, de São Roque foram as vencedoras.

Para o secretário estadual do meio ambiente, Pedro Ubiratan Escorel de Azevedo, a educação ambiental é prioridade em São Paulo. “Só nesses dois anos de projeto, mais de 10.000 crianças visitaram o Villa Ambiental. É muito bom investir em nisso e ver as crianças animadas em receber este prêmio”, declarou.

No total, 15 escolas apresentaram os projetos com o detalhamento da Ação Ambiental Exemplar desenvolvida pelos alunos. A comissão julgadora avaliou cada projeto sob os seguintes critérios: temática; inovação e criatividade; alcance; continuidade; e resultado alcançado. 

As escolas municipais Estudante Nelson José Pedroso, de Atibaia, Nice Beolchi Nunes Ferreira, de Bady Bassitt, Monsenhor Pedro Paulo Farhat, de Bragança Paulista, Moacyr Martins dos Santos, de Cravinhos, José Matheus de França, de Eldorado, Nelson Barreto da Silva, de Itaquaquecetuba, Afonso Tódaro, de Jaboticabal, Ouroeste, de Ouroeste, Prof.ª Nadir Zadra Ribaldo, de Porto Ferreira e o Colégio da Polícia Militar, de São Paulo também receberam uma homenagem pela participação.

Para a coordenadora do Villa Ambiental, Mônica de Lima, o prêmio é uma maneira concreta de avaliar o trabalho desenvolvido por toda a equipe. “Fazendo parte da nossa turma, vocês mostram aos adultos que há outro modo de viver no nosso planeta”, falou às crianças. A professora Patrícia Rodrigues de Souza, que desenvolveu a Ação Ambiental Exemplar com a turma de Artur Nogueira, concorda. “É muito bom saber que eu posso contribuir para o desenvolvimento sustentável do planeta, e junto com as crianças eu contribuí”, disse emocionada.

Os alunos de cada uma das cinco escolas ganhadoras receberam um conjunto de desenho e pintura, os professores de cada turma premiada ganharam um notebook e cada escola vencedora recebeu uma filmadora, uma tela de projeção, um projeto multimídia e um troféu.

O diretor geral territorial Grande São Paulo da MAPFRE Seguros, Jonson Marques de Sousa, disse que a preservação ambiental está no DNA da empresa, que é parceira do Villa Ambiental, e confessou às crianças seu anseio. “Estudei em escola pública e eu gostaria de ter participado de um programa de desenvolvimento sustentável como esse”, contou.


Crianças com o kit de desenho e pintura
Crianças com o kit de desenho e pintura
A turma do Criança Ecológica também estava presente
A turma do Criança Ecológica também estava presente
O secretário Pedro Ubiratan entregou o prêmio para a escola de Artur Nogueira
O secretário Pedro Ubiratan entregou o prêmio para a escola de Artur Nogueira
Malu Freire
Malu Freire
 coordenadora de educação ambiental
coordenadora de educação ambiental
 entregou o prêmio para a escola de Pereira Barreto
entregou o prêmio para a escola de Pereira Barreto
Xico Graziano entrgou o troféu para a escola de Cubatão
Xico Graziano entrgou o troféu para a escola de Cubatão
As professoras de São Roque receberam os prêmios das mãos de Mônica de Lima e Jonson Sousa
As professoras de São Roque receberam os prêmios das mãos de Mônica de Lima e Jonson Sousa
Os educadores de Cubatão com os prêmios
Os educadores de Cubatão com os prêmios