Novo comandante assume policiamento ambiental do Litoral, Vale do Paraíba e Vale do Ribeira

O novo comandante do 3º Batalhão de Policiamento Militar Ambiental, tenente-coronel PM Milton Sussumu Nomura, foi empossado nesta quarta-feira (25/06), no Guarujá. O comando foi passado pelo também tenente-coronel Antônio Carlos de Souza, em solenidade que contou com a presença do Comandante Geral da Polícia Ambiental, coronel Ronaldo Severo Ramos, e do secretário-adjunto estadual do Meio Ambiente, Pedro Ubiratan Escorel Azevedo, representando o secretário Xico Graziano.

O tenente-coronel Nomura assume o batalhão que comanda os 68 municípios do Litoral Paulista, Vale do Ribeira e Vale do Paraíba, uma região que abriga cerca de 70% das unidades de conservação de proteção integral do Estado. O 3º Batalhão possui um contingente de 650 policiais militares, sendo seu comando central no município do Guarujá e seus pelotões, em Registro, Santos, Caraguatatuba e Taubaté.

O compromisso deste corpo militar é a prevenção e repressão aos crimes ambientais, cabendo também ao comandante Nomura a implementação da nova estratégia de policiamento marítimo, com vistas ao combate à pesca predatória na costa paulista. Para tanto, contará com seis embarcações especialmente equipadas e próprias para atuarem em mar aberto.

Para o tenente-coronel Milton Nomura, o meio ambiente hoje é uma questão de polícia e a principal ferramenta para dar conta desta tarefa é o trabalho conjunto. “A parceria com a Secretaria Estadual do Meio Ambiente começou em 1949, quando o Departamento Estadual de Proteção dos Recursos Naturais ainda era ligado à Secretaria da Agricultura.

Mas na atual gestão esta parceria ganhou mais força, principalmente com os 21 Projetos Ambientais Estratégicos, especialmente o São Paulo Amigo da Amazônia e o Serra do Mar”, declarou.

Segundo Nomura, as quatro regiões de abrangência do 3º batalhão possuem características e pressões diferentes e, por isso, é preciso ter sensibilidade. “O coração da Mata Atlântica está aqui”, pontuou. Para Pedro Ubiratan, a tarefa assumida por Nomura não é fácil. “Esta região contempla o Parque Estadual da Serra do Mar e os Mosaicos de Jacupiranga e Juréia, as três maiores unidades de conservação do Estado”, lembrou. Segundo o secretário-adjunto, as tarefas são direcionadas àqueles capazes de cumpri-las “e o novo comandante está à altura do desafio assumido”.


Para Nomura
Para Nomura
 comandar a região é um grande desafio
comandar a região é um grande desafio
Souza recebe de Nomura a bandeira da Polícia Ambiental
Souza recebe de Nomura a bandeira da Polícia Ambiental
Pedro Ubiratan e o Comandante Geral coronel Ronaldo Severo Ramos
Pedro Ubiratan e o Comandante Geral coronel Ronaldo Severo Ramos
 ao lado de Nomura
ao lado de Nomura