Mata Atlântica é tema de reunião de secretários de Estado

19/05/16 18:29

Mata Atlântica é tema de reunião de secretários de Estado

10051

A secretária do Meio Ambiente de São Paulo participou nesta quinta-feira (19), da reunião de secretários da Mata Atlântica, promovida pela SOS Mata Atlântica. O encontro ocorreu no Palácio Guanabara, no Rio de Janeiro.

“É uma alegria estar neste encontro e compartilhar experiências sobre o que está sendo feito em cada Estado para atingirmos as metas assumidas por todos no ano passado, de aumentarmos a cobertura florestal e zerar o desmatamento ilegal até 2018.” afirmou Patrícia Iglecias, antes de apresentar as principais ações que São Paulo tem realizado para honrar o compromisso:

  • O Cadastro Ambiental Rural e os programas de regularização  que foram pontos de discussão comum entre os secretários, já que vários vêm enfrentando problemas de validação dos seus cadastros, foi o primeiro tópico. A secretária de São Paulo lembrou que o Estado optou por desenvolver seu próprio sistema de cadastro, apresentou o balanço do CAR em SP e explicou a conexão entre o CAR e o Programa Nascentes, por meio dos bancos de áreas.
  • Os avanços do Programa Nascentes, que já plantou mais de um milhão de mudas em quase 650 hectares e, em breve, deve chegar à marca de mil hectares em restauração em todo o estado.
  • A Fiscalização integrada, que é realizada desde 2012 pela Coordenadoria de Fiscalização Ambiental e Fundação Florestal com apoio da Polícia Ambiental, que além de emitir AIA eletrônico, tem acesso à imagens de satélite, banco de informações sobre fauna, que facilitam e agilizam o seu trabalho. Destaque para a Operação Corta-Fogo, adiantada esse ano em razão da estiagem.
  • Consolidação dos planos de manejo, foco principal da Câmara de Compensação Ambiental. Atualmente, são 21 planos em elaboração e oito em vias de aprovação.
  • Pagamentos por Serviços Ambientais, que hoje somam R$1,9 milhão.

Este foi o segundo encontro de secretários de Estado promovido pela SOS Mata Atlântica. Além de São Paulo e do anfitrião Rio de Janeiro, participaram os secretários do Ceará, Espírito Santo, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Santa Catarina, Alagoas, Rio Grande do Sul, Paraíba, Minas Gerais, Paraná, Goiás e Mato Grosso do Sul. O novo ministro do Meio Ambiente, Zequinha Sarney, indicou em sua fala a participação do governo federal no próximo encontro de secretários da Mata Atlântica.