Instituto de Botânica oficializa programa de estágio

04/03/13 16:17

Instituto de Botânica oficializa programa de estágio

 

Visando oferecer treinamento de recursos humanos e desenvolvimento de pesquisa científica, o Instituto de Botânica – IBt regularizou nesta segunda-feira, 4 de março, o Programa de Formação e Capacitação de Recursos Humanos na Área de Botânica e Meio Ambiente. O secretário do Meio Ambiente, Bruno Covas, assinou uma resolução oficializando o programa de estágio do IBt, durante a palestra “O Desenvolvimento Sustentável no Estado de São Paulo”, na aula inaugural do Curso de Pós-Graduação do Instituto de Botânica.

O estágio envolve o treinamento de pessoal em uma das unidades da Instituição, com o objetivo de colocá-los em contato com o ambiente de trabalho, complementando assim sua formação profissional e possibilitando sua convivência com problemas técnicos e científicos, que facilitarão sua integração no campo profissional. O Instituto de Botânica oferece estágios de natureza técnica e/ou científica, visando o treinamento de recursos humanos e o desenvolvimento de pesquisa científica em áreas de interesse ambiental.

“Este era um sonho antigo do Sistema Ambiental. Com essa assinatura poderemos estabelecer convênios com instituições de ensino para oferecermos estágios. A convivência de estudantes com o corpo técnico do Instituto é fundamental e muito importante para a formação de técnicos especialistas no estado, sempre visando manter a alta qualidade técnica dos nossos institutos, reconhecidos internacionalmente”, afirmou o secretário.

Durante a aula inaugural, o secretário ressaltou que São Paulo está adotando um novo modelo econômico, a economia verde, para alcançar o desenvolvimento sustentável. “Vamos continuar gerando emprego e crescendo economicamente, mas tomando medidas para garantir às futuras gerações o acesso aos recursos naturais”, explicou. Participaram do encontro, o diretor geral do IBt, Luiz Mauro Barbosa, e a coordenadora do curso de pós-graduação, Rita de Cássia Leoni Figueiredo Ribeiro.

Na palestra, o secretário apresentou os 10 eixos temáticos com os quais a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (SMA) atua. “São mais de 200 projetos em prática visando a melhoria da qualidade de vida da população do estado. Entre eles, o Programa de Recuperação Socioambiental da Serra do Mar e o monitoramento da qualidade do ar”, concluiu.

O Programa de Pós-graduação ”Biodiversidade e Meio Ambiente” é único no estado de São Paulo e nos seus 10 anos já formou 210 alunos em mestrado e doutorado.

Ainda durante o evento, o diretor do IBt, Luiz Mauro Barbosa, lançou o programa oficial do V Simpósio de Restauração Ecológica: Políticas Públicas para a Conservação da Biodiversidade, que acontecerá em novembro na capital paulista.